sexta-feira, 23 de abril de 2010

Vive

Falta-te a força...
Falta-te o desejo de continuar...
Falta-te a vida que precisas para viver...
Um sorriso ganha terreno na tua face...
Nada to tira...
Estas assustada...
Mas sorris,
Sorris e esperas que tudo passe.
Pensas que se fechares os olhos, e voltares a abrir, já tudo terá acabado...
E no fim...
No fim choras,
Lamentas,
No fim dás por ti numa tal fúria que não entendes se tendes de chorar ou de sorrir,
Se tendes de Lutar ou desistir...
Pára e olha á tua volta:
Por muitos demónios existentes,
Por muitas historias de terror que vivas,
Nada te obriga a estar no inferno:
E partes,
E pensas dar sentido á tua vida ,
Pensas saber resistir a tudo,
Que já ninguém te derruba...
Mas tu é que te derrubas a ti mesmo,
Tu é que vives no passado,
Sofres em segredo,
Escondes a tristeza com um sorriso,
Choras em vão.
Pára.
Não te mates a ti próprio.
Um dia irás ver as estrelas,
Um dia subirás ao céu,
Um dia...
Tenta não pensar,
Apenas vive.
Vive...

2010

Sem comentários:

Enviar um comentário